Gato ou pão?

“Se um gato nasce no forno, será que ele não é gato, é pão?”

Frase em tom de pergunta (ou convite à reflexão) dita assim, “na lata”, por José Ritter, agricultor, brasileiro, 73 anos, radicado há quarenta anos em Santa Rosa del Monday, interior do Paraguai, para onde foi após deixar Santo Cristo, no Rio Grande do Sul, sua terra natal. Eu tinha perguntado a ele o que achava da afirmação de Eulálio López, líder dos “carperos”, os invasores de terras do Paraguai, de que os filhos de brasileiros não são “paraguaios puros”!

http://g1.globo.com/videos/parana/paranatv-1edicao/t/foz-do-iguacu/v/aumenta-tensao-entre-campesinos-e-agricultores-brasileiros-no-paraguai/1788297/

Anúncios
Esse post foi publicado em "Time and a word". Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s