Incriveland

Incrível. Só essa palavra pra definir o rapto de três mulheres há dez anos e o aprisionamento delas pelo motorista e músico (!) Ariel Castro, o maluco com a maior cara de doido que já se viu. A história foi em Cleveland, cidade americana que para mim poderia ser chamada a partir de agora de “incriveland”, pelo inusitado da situação. Procuraram pelas mulheres, mas nunca desconfiaram de Ariel, que fazia churrascos e distribuía sorrisos pela vizinhança. O maluco chegou a ter filhos com as mulheres, uma das crianças tem hoje 6 anos, as outras foram abortadas. As mulheres foram dadas como mortas pela polícia de Cleveland, que deve ser uma polícia de uma competência incrível! Incredible Cleveland! Incrível sociedade em que 3 mulheres tomam chá de sumiço, ficam submetidas a cárcere privado nas barbas da família, no bairro onde moravam e de onde sumiram, sem que nunca, ninguém tenha desconfiado do maluco Ariel, que deve ter parte com o excomungado pra ter os super poderes de fazer sumir, desaparecer e ludibriar a todos por tanto tempo. Os americanos parecem ter o talento de produzir na vida real roteiros de filmes bem antes de alguém suspeitar que eles um dia possam fazer boas bilheterias. E também sabem como ninguém reproduzir na real o que eles viram um dia nas telonas. Porque essa história de sumir com alguém, levar pra casa e manter preso, sob abusos e violência já se viu no cinema, né? Eu hein!? De Cleveland, eu quero passar longe.

Anúncios
Esse post foi publicado em Um tempo, um lugar, Uncategorized e marcado , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Incriveland

  1. clau disse:

    Incríveis são as coisas que você escreve…parabéns!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s