Museus e bugigangas

Barracas de vendedores de rua em Florença, capital da Toscana. Cidade da moda, berço do Renascimento italiano

O charme dos prédios históricos de Florença e os ricos museus da cidade não resistiram à invasão das barracas que vendem todo o tipo de roupa, lenço, cinto, bolsa e bugigangas. Passando por ali, foi inevitável ouvir: “Ô da Globo, filma nóis aqui”! Sim, entre os vendedores alguns são brasileiros sim. É o país exportando o mercado informal e os profissionais que vivem do comércio de rua. Mas também tem indianos, paquistaneses e orientais. “Tá baratinho, freguesa. Vamo chegá!”, claro, dito em italiano com aquele sotaque inconfundível…

Anúncios
Esse post foi publicado em Meio tempo. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s