Armas nunca mais

(a minha utopia)

Fica decretado que a venda de qualquer tipo de arma está proibida a partir de hoje. Transgressores serão tratados na forma da lei. O porte, a importação, a propaganda,  também proibidos, serão punidos com as mais severas penas previstas na legislação da paz, criada especificamente para disciplinar as novas determinações.

Todas as armas apreendidas serão imediatamente destruídas, desativadas. Os metais  utilizados para fabricar os armamentos serão derretidos e reciclados para a fabricação de brinquedos, cadeiras de rodas, macas de hospital ou ferramentas para fins pacíficos. Toda a munição encontrada e retirada de circulação também será inutilizada.

A partir de hoje, fica definitivamente banida a fabricação de todos os tipos de armas de fogo, sejam manuais ou automáticas, bombas, granadas, foguetes, mísseis e qualquer outro dispositivo usado até agora para matar seres humanos ou abater animais. Investir na indústria bélica será considerado um crime contra a humanidade. O uso desses recursos para financiar campanhas políticas, eleições, governos ou grupos paramilitares também será tratado como crime inafiançável, sujeito aos rigores da lei. Caminhões, trens, navios, submarinos e aeronaves também não poderão mais ser usados para transportar armas ou fazer uso delas.

A pólvora, o gatilho, o estopim e outros mecanismos de explosão vão ser desinventados e os royalties provenientes desta medida serão aplicados nos programas de saúde pública.

Os exércitos passarão a trabalhar agora na construção ou na reconstrução do que foi devastado em confrontos e não mais nos requisitos da guerra. Aliás, a guerra ou ações armadas, sejam elas oficiais ou clandestinas, por forças legais ou grupos de guerrilha, movimentos terroristas, passam a integrar a categoria dos crimes hediondos contra a humanidade.

Armas, tiros e explosões também deixam de existir como entretenimento. Desaparecerão das cenas de filmes de cinema e TV e da publicidade.

A lei da paz não vale apenas para um país, mas sim, para todo o planeta e seus habitantes. Nem mais um tiro, armas nunca mais.

Anúncios
Esse post foi publicado em "Time and a word" e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s